Dieta Nórdica

Dieta Nordica Dieta NórdicaPode não parecer, mas os hábitos alimentares de sua família, sua cidade, seu país, tudo precisa ser levado em consideração na hora de emagrecer. Uma prova disso é que a Dieta Nórdica, por exemplo, pode contribuir muito na sua perda de peso, por contar com elementos mais saudáveis do que as refeições tradicionais brasileiras.

Criada em 2004, a chamada Nova Dieta Nórdica foi elaborada por 5 chefs de países nórdicos, que se encontraram para definir uma nova cozinha regional. A partir desse projeto, foi criada uma dieta simples e barata, para matar a fome e manter em forma qualquer cidadão da Suécia, Finlândia, Islândia, Noruega e Dinamarca. E, consequentemente, ajudar no emagrecimento da população de outros lugares.

Isso acontece porque a dieta prioriza uma alimentação saudável, que pode ser feita por qualquer pessoa, sem exageros. Entenda os princípios a seguir:

  • Mediterrânea: você já deve conhecer a dieta mediterrânea, que prioriza hábitos saudáveis, e a Nórdica segue uma linha parecida. A grande diferença é que esta dieta prioriza os vegetais de cada estação, destacando a necessidade de se comprar de vendedores locais. Dessa forma, você terá sempre os melhores produtos na sua mesa. Sem contar que vai seguir o fluxo da natureza, não comendo alimentos produzidos com a ajuda de agrotóxicos.

  • Refeições: a proporção ideal definida pelos chefs nórdicos é deter sempre 80% de legumes, verduras, grãos e frutas e apenas 20% de carne a cada refeição, dando preferência para peixes ou frangos.

  • Carne Vermelha: sabe aqueles dias em que você sonha com um churrasco? Então, talvez, apenas talvez, a carne vermelha esteja liberada, mas sempre em quantidade mínima. Gordura e industrializados devem ser completamente eliminados do seu cardápio, seja para emagrecer quanto para melhorar sua saúde.

  • Coração: ao eliminar completamente o fast-food e opções gordurosas de sua vida, seu coração só tem a sair ganhando. Pesquisas indicam que a saúde cardiovascular é mais beneficiada por uma dieta livre de conservantes.

  • Sustentabilidade: além de fazer bem para a saúde, a dieta nórdica tem como objetivo manter a saúde do planeta. Uma alimentação muito superficial afeta a natureza como um todo, e as refeições podem ser um jeito de fazer sua parte para conservá-la.

No geral, esta não é uma dieta restritiva, em que se devem contar calorias. Pelo contrário, a intenção é aprender a comer de acordo com a proporção correta, com alimentos naturais e não se deixar levar por novidades e industrializados. Com estas mudanças, o emagrecimento será uma consequência fácil.

Dieta VB6

Dieta BV6 Dieta VB6Deixar de comer carne tem sido uma decisão tomada por muita gente nos últimos tempos. Para quem quer emagrecer, mas ainda não está pronto para se tornar vegetariano, a Dieta VB6 é a melhor opção.

Se você nunca ouviu falar, saiba que VB6 é uma sigla para vegan before 6, ou, em português, vegano antes das 6h. Na prática, isso significa que a base dessa dieta é deixar de lado carne e derivados fora das refeições do dia, pelo menos até às 18h. Criada por Mark Bittman, a dieta é semelhante à Flexitariana, e pode ajudar a eliminar peso e a ficar mais saudável.

Como muita gente não tem o hábito de comer frutas e verduras, o objetivo dessa dieta é justamente esse. Entenda melhor os princípios da dieta:

  • Comer mais frutas e vegetais

  • Comer menos alimentos de origem animal – o que é melhor para seu corpo e também para o meio ambiente

  • Não comer produtos industrializados

  • Cozinhar com alimentos frescos

  • Escolher qualidade acima de quantidade

  • Não focar no peso, mas sim na saúde – a perda de peso é uma consequência

Bastante simples, esta não é uma dieta restritiva, que costuma ser mais difícil de ser seguida. Na verdade, é mais semelhante a uma reeducação alimentar, já que o princípio é aprender a comer de maneira mais saudável. Quando você começa a pensar melhor nas suas refeições, é mais fácil não se deixar levar por alimentos calóricos. Como você vai comer saudavelmente antes das 18h, seu corpo estará satisfeito, com menos risco de exagerar após este horário.

Claro que, é essencial dizer, o que você come depois das 18h é muito importante. Não dá pra comer qualquer coisa e confiar apenas nos vegetais. Uma pizza, por exemplo, pode ser bem vinda de vez em quando, mas não sempre. A questão é aprender a ter equilíbrio entre as refeições do dia e as da noite e priorizar escolhas certas.

Quem já conseguiu emagrecer deve ter percebido que escolhas inteligentes podem ser a diferença entre fazer uma dieta que exige sofrimento e uma que dá resultado sem precisar de grandes sacrifícios. E a verdade é que, quanto mais sofrida for a dieta, maiores serão as chances de desistir no meio do caminho. Assim, prefira sempre as dietas mais simples, que priorizam mudanças de hábitos ao invés de cardápios muito restritivos.

Dieta Fibra 35

Dieta Fibra Dieta Fibra 35Faltando pouco mais de um mês para os feriados de final de ano, está mais do que na hora de perder peso para poder entrar naquela roupa de festa, não é?Para isso, nada melhor do que mudar seus hábitos alimentares e apostar na Dieta Fibra 35, que pode melhorar até o aspecto da sua pele.

Criada por Brenda Watson, especialista em digestão, esta é uma dieta restrita, que pode eliminar cerca de 5kg no primeiro mês, e um por semana depois disso. Sua base está no consumo diário de fibras, sempre tão importantes para o funcionamento ideal do seu metabolismo.

Se você está correndo atrás do emagrecimento, entenda melhor como a dieta funciona a seguir:

  • Fase 1: na primeira etapa dessa dieta, que dura um mês, você deve diminuir 1000 calorias das suas refeições habituais, tomando o cuidado para não ingerir menos do que 1200 calorias diárias.

  • Fase 2: na segunda etapa, para perder o peso que ainda falta, o corte deve ser de 500 calorias. Se você consumia 2000 por dia, terá que diminuir para 1500 pelo tempo necessário para continuar emagrecendo o quanto deseja.

  • Fibras: aqui está o grande diferencial desta dieta. Embora não tenha um cardápio fechado, você deve incluir 35 gramas de fibras nas suas refeições. Com um grande poder de saciedade, as fibras vão facilitar a dieta, fazendo com que você sinta menos fome e que sua digestão seja mais fácil.

  • Refeições: mesmo sem um cardápio, é importante comer de 2 a 3 porções de proteínas, carne ou peixe, por dia, com 6 a 8 porções de frutas, vegetais e grãos. Maçãs, brócoli, feijão e aveia possuem uma boa quantidade de fibras. Laticínios devem ser evitados.

  • Água: o aumento no consumo de fibras pode alterar o funcionamento do seu intestino, com constipação, gases e outros. Assim, mais do que nunca será essencial tomar bastanta água.

Se você tem o hábito decomer batata frita e bolachas, será importante ter autocontrole e trocar estes impulsos por comidas com mais nutrientes. O biscoito, por exemplo, será integral e a batata frita pode ser facilmente trocada por um salgadinho de soja, igualmente crocante.

Para encerrar, vale dizer que a Fase 1 não pode ser seguida por mais de um mês seguido. Isso porque, por ser muito restritiva, seu corpo pode sentir que precisa armazenar gordura, portanto, o emagrecimento será prejudicado. Já a Fase 2 pode ser feita por mais tempo, podendo até alternar com a Fase 1, se precisar emagrecer mais.

Novembro Azul: Emagrecimento Para Homens

Dieta Homem Novembro Azul: Emagrecimento Para HomensCuidar da saúde é algo que todo mundo deveria fazer, mas que acaba sendo mais prioridade das mulheres do que dos homens. E é por isso que o Novembro Azul tem se tornado cada vez mais importante.

Criado na Austrália, este período é dedicado ao bem estar masculino, com campanhas sobre a importância de exames regulares, especialmente o de próstata. Mas, mais do que isso, novembro é o mês em que homens devem começar a prestar mais atenção a si mesmos, e isso inclui a forma física. Por mais que uma barriga de cerveja seja até celebrada, a verdade é que eles também precisam estar em forma para serem saudáveis.

Como organismo deles e delas costumam ser diferentes, confira a seguir porque um emagrecimento para homens pode funcionar diferente:

  • Barriga: não é raro que homens consigam perder peso mais rapidamente do que mulheres. Como eles acumulam gordura mais na barriga, e não em quadris, por exemplo, a queima é mais rápida. O lado negativo, porém, é que esta gordura abdominal é mais perigosa para a saúde, podendo causar AVC, infartos e outros.

  • Exercícios: por ter mais massa muscular e testosterona, atividades físicas são mais acelerados. Essa vantagem precisa ser aproveitada através de exercícios aeróbicos, que acelerem a frequência cardíaca. Então, é importante não ficar só na musculação, e apostar também na esteira.

  • Proteína: sim, homens precisam de uma quantidade maior de proteínas, porém, isso não quer dizer que possam comer carne à vontade. A verdade é que apenas 15% a 35% das calorias precisam ser protéicas. Ou seja, nada de trapacear na dieta achando que pode comer demais.

  • Calorias: dietas de emergência, que são muito restritivas, podem ter uma média de 800 a 1000 calorias. No entanto, para o metabolismo dos homens, esta quantidade pode ser insuficiente. Embora o metabolismo masculino possa variar a cada indivíduo, em geral, eles devem consumir pelo menos 1200 calorias diariamente, podendo comer até 250/300 calorias a mais do que elas. Lembre-se que passar fome pode fazer o efeito contrário, induzindo o corpo a guardar mais energia.

  • Refeições: apesar das diferenças, uma coisa não muda, tanto para homens quanto para mulheres, o ideal é que sejam feitas 6 refeições ao dia. Comer a cada 3 horas ajuda o organismo a funcionar melhor.

Para encerrar, é importante deixar claro que a maioria das dietas pode ser feita tanto por homens quanto por mulheres. Com algumas pequenas adaptações, eles podem se beneficiar um pouco mais, mas também precisam de disciplina. E se você não precisa perder peso, fique atento à sua saúde mesmo assim. Faça exames regularmente e aprenda a cuidar mais de si mesmo.

Dieta das 5 Mordidas – Perca 7kg em Uma Semana

Dieta Mordidas Dieta das 5 Mordidas   Perca 7kg em Uma SemanaVocê já deve saber a importância de mastigar bem os alimentos, mas será que sabe que até mesmo as mordidas no alimento podem te ajudar a emagrecer?Pelo menos é isso que indica a Dieta das 5 Mordidas, que pode eliminar 7kg em 1 Semana.

Criada pelo médico Alwin Lewis, esta dieta surgiu quase sem querer. Indicada para pacientes que fizeram cirurgia de redução de estômago, a intenção era evitar que os ex-obesos exagerassem nas refeições. No fim das contas, porém, o médico testou a dieta e percebeu uma perda de peso significativa, seguindo apenas uma regra básica.

Entenda melhor como adieta funciona e seus benefícios:

  • 5 Mordidas: a regra é basicamente essa. Durante a dieta, você pode comer qualquer coisa no almoço e no jantar, no entanto, em apenas cinco mordidas. Sim, você terá que degustar lentamente cada uma delas, estimulando a sensação de saciedade.

  • Nutrientes: nas duas refeições permitidas nos dias de dieta, é essencial o consumo de proteínas, bem como um grande cuidado com a ingestão de vitaminas.

  • Café da Manhã: mais restritiva, esta dieta não permite a ingestão de café da manhã. O médico acredita que como o organismo está há muito tempo sem comida, trabalha mais rapidamente ao acordar. Estendendo este período de jejum, a queima de gordura abdominal seria acelerada.

  • Calorias: embora você esteja livre para comer o que quiser, as calorias serão reduzidas. Em geral, seguindo a dieta corretamente, a média é de apenas 800 calorias por dia, suficiente para eliminar muito peso.

  • Bebidas: para sacear o desejo por comida durante o dia, água e chás estão liberados.

É importante deixar claro que esta é uma dieta bastante restritiva, que deve ser utilizada apenas como emergência. Se você deseja seguir uma dieta por mais de uma semana, o ideal é apostar em uma reeducação alimentar de longo prazo, para garantir que você não vai sofrer com um efeito sanfona. Na verdade, esta técnica pode funcionar como um ponto de partida para o emagrecimento, sem nunca ser seguida por tempo demais.

Também é essencial que durante o período sejam evitadas atividades muito intensas, já que o organismo estará com um déficit de energia, por causa da dieta. Os resultados, porém, valem a pena.